Polímeros: Ciência e Tecnologia
https://revistapolimeros.org.br/article/doi/10.4322/polimeros.2013.044
Polímeros: Ciência e Tecnologia
Scientific & Technical Article

Tendências tecnológicas do uso do sisal em compósitos a partir da prospecção em documentos de patentes

Technological trends in the use of sisal in composites through patent mining

Scopel, Felipe; Gregolin, José Angelo R.; Faria, Leandro I. L. de

Downloads: 0
Views: 299

Resumo

As fibras naturais têm sido pesquisadas e empregadas de maneira crescente no desenvolvimento de produtos com sustentabilidade econômica, social e ambiental, sendo o sisal uma das mais importantes para o Brasil, pela sua posição de liderança na produção mundial. O presente artigo analisa a evolução temporal e o interesse das empresas e instituições em tecnologias associadas ao sisal, a partir de informações e indicadores extraídos de documentos de patentes no período de 1960 a 2009. Foi verificado o crescente patenteamento associado ao sisal em áreas de química, ciência dos materiais e dos polímeros, com destaque para o reforço do de compósitos plásticos. Além do crescente número de patentes, houve também um expressivo aumento do número de empresas e instituições titulares das patentes, o que reflete a possível desconcentração do mercado nesse crescimento do interesse pelas tecnologias associadas ao sisal. O Brasil, apesar da sua proeminência na produção do sisal, possui pequena presença no patenteamento mundial. Também foi verificada a importância da análise de patentes para o acompanhamento da evolução das tecnologias e interesses, pela disponibilidade de informações públicas que podem ser transformadas em indicadores úteis para análise de tecnologia e mercado associados ao sisal ou a outras áreas tecnológicas.

Palavras-chave

Fibra natural, Indicadores de patente, Polímeros, Compósitos

Abstract

Natural fibers have been increasing their importance on studies and in the use in sustainable product development, being sisal one of the most important fiber for Brazil, once it is the major producer in the world. This article deals with the temporal evolution and the interest of enterprises and institutions associated with the sisal’s technology, with information and indicators extracted from patents from 1960 to 2009. The association of sisal with chemistry, materials science and polymers has been increasing, with emphasis on the strengthening of composite plastics. In addition to the growing number of patents, there was also a significant increase in the number of companies and institutions holding patents. Brazil, despite its prominence in the production of sisal, has little presence in the global patenting. It was also verified the importance of patent analysis for monitoring the evolution of technologies and interests, through the availability of public information. This information can be turned into useful indicators for the analysis of market and technology, associated with sisal or other technology areas.

Keywords

Natural fiber, Patent indicators, Polymers, Composites materials

References

[1].Zah, R.; Hischier, R.; Leao, A.L. & Braun, I. Journal of Cleaner Production, 15, p. 1032 (2007).

[2].Boustead I. Ecoprofiles of plastics and related intermediates, Association of Plastic manufacturers of Europe (APME) Brussels, Belgium.

[3].Callister Jr., W. D. “Ciência e engenharia de materiais: Uma introdução”, 5ed, cap.1, LTC (2002).

[4].Luz, S.M.; Caldeira-Pires, A.; & Ferrão, P.M.C. Resources, Conservation and Recycling, 54, p.1135 (2010).

[5].FAO. Sisal. Disponível em: . Acesso em: Agosto/2011

[6].Satyanarayana, K.G.; J.L. Guimarães, & Wypych, F. Composites Part A, 38, p. 1694 (2007)

[7]. Rosário, F. et al. Polímeros, 21, nº 2, p. 90-97 (2011)

[8].Antunes, A. M. S.; Giannini, R. G. & Borschiver, S. Polímeros: Ciência e Tecnologia, 10, p.56 (2000)

[9].Santos, E. F. et al. - Extrusão de compósitos de PP com fibras curtas de coco. Polímeros, 20, no.3, p.215-220, 2010.

[10]. Monteiro, S.N., et al. Tenacidade ao Entalhe por Impacto Charpy de Compósitos de Poliéster Reforçados com Fibras de Piaçava. Revista Matéria, v. 11, n. 3, pp. 204 – 210, 2006.

[11]. Marinelli, A. L. et al. - Desenvolvimento de compósitos poliméricos com fibras vegetais naturais da biodiversidade. Polímeros: Ciência e Tecnologia, vol. 18, nº 2, p. 92- 99, 2008

[12]. Santos, P. A., et al. Efeito da Forma de Processamento e do Tratamento da Fibra de Curauá nas Propriedades de Compósitos com Poliamida-6. Polímeros: Ciência e Tecnologia, vol. 19, nº 1, p. 31-39, 2009

[13]. Spinacé, M, et al, Poliolefinas Reforçadas com Fibras Vegetais Curtas: Sisal vs. Curauá. Polímeros, 21, nº 3, p. 168-174, 2011

[14]. Campos, A. et al. Efeito do Tratamento das Fibras nas Propriedades do Biocompósito de Amido Termoplástico/Policaprolactona/Sisal. Polímeros, vol. 21, nº 3, p. 217-222, 2011

[15]. Corradini, E. et al. - Compósitos biodegradáveis de amido/glúten de milho/glicerol reforçados com fibras de sisal. Polímeros: Ciência e Tecnologia, vol. 18, nº 4, p. 353-358, 2008

[16]. Iozzi, M., et al. Estudo da Influência de Tratamentos Químicos da Fibra de Sisal nas Propriedades de Compósitos com Borracha Nitrílica. Polímeros: Ciência e Tecnologia, vol. 20, nº 1, p. 25-32, 2010

[17]. Caruso, L.A. & Tigre, P.B. (Coords.) “Modelo SENAI de Prospecção: documento Metodológico” Montevideo: Cinterfor/OIT, 2004 77 p. (Papeles de la Oficina Técnica, 14)

[18]. INPI - Instituto Nacional de Propriedade Industrial. Importância da Informação Tecnológica. Rio de Janeiro. Disponível em , Acesso em agosto de 2011.

[19]. Thomson Reuters Web of Knowledge International Patent classification. Disponível em: . Acesso em setembro de 2011.

[20]. Breitzman, A.F. & and Mogee, M.E. Journal of Information Science, 28, p.187 (2002)

[21]. Faria, L.I.L.; Gregolin, J.A.R. & Santos, R.N.M. International Journal of Information Sciences for Decision Making, 2, p.27 (1998)

[22]. Thomson Reuters Web of Knowledge. Derwent Innovations Index. Disponível em: . Acessado em setembro de 2011.

[23]. Derwent World Patents Index. The Derwent Classification, 2009. Disponível em . Acesso em: agosto de 2011.

[24]. The Vantage Point. Vantage Point. Disponível em: . Acesso em: Agosto de 2011.

[25]. United States Patent and Trademark Office. USPTO Patent Full-Text and Image Database. Disponível em: . Acesso em novembro de 2011.

[26]. United States Patent and Trademark. What is a plant patent? Disponível em: . Acesso em agosto de 2011.

[27]. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Registro Nacional De Cultivares – Rnc. Disponível em: Acesso em setembro de 2011.

[28]. Ministério da Ciência e Tecnologia. Proteção de cultivares. Disponível em: . Acesso em agosto de 2011.

[29]. Mogee, M.E. “Patents and technology intelligence”, in: Keeping abreast of science and technology: Technical intelligence for business. Ashton, W. B. & Klavans, R. A. Battelle Press, p.560, 1997.

5883718c7f8c9d0a0c8b4956 polimeros Articles
Links & Downloads

Polímeros: Ciência e Tecnologia

Share this page
Page Sections